Marcas

folha

Sempre que vou ao trabalho percebo que na frente de uma igreja há a marca de folha de árvore impressa no asfalto e, por mais diminuto que possa parecer, eu me encanto com aquilo. Todos os dias gosto de olhar para aquele sinal no chão, pois ele é a prova cabal de que a delicadeza tem uma força inestimável. Aquela marca me ajuda a iniciar o dia com mais esperança, sim eu sei, pode parecer loucura, mas a imagem vem carregada de filosofia.

A folha impressa me faz pensar na brutalidade do mundo e como somos, sem querer, arrastados diariamente sobre asfaltos sem poesia. Meu Deus, ainda existem cartas de amor escritas à mão? Nunca mais as vi, objeto em extinção. E a doçura de se esbaldar em uma fatia de bolo com uma deliciosa cobertura de sei lá o que, cadê? Poxa… agora isso vem acompanhada por uma tabela nutricional e 5 aulas de Cross Fit para os gulosos não morrerem do coração e nem de peso na consciência. Aqui vai um conselho de quem observa marcas de folhas no chão, cuidado meu amigo, sua reputação pode estar em risco, no mundo asfalto, caso você poste fotos com menos de 50 likes. Está aí a receita para o fracasso: a desaprovação ou não aprovação integral. Integral para aprovação e desnatado para o leite, fórmula simples. Leve para a vida de concreto.

Onde foram para os convites para ver o pôr do sol? Ando sentindo falta das simplicidades, o mundo asfalto tem sido cruel com a gente, né não? Larga esse celular e olha a cor do céu, neste momento. Perceba que as folhas secas podem marcar um caminho inteiro, perceba que o que era tão efêmero se estendeu pelo meu caminho diário e chegou até você. Perceba que o asfalto é fraco quando a gente o beija com delicadeza, assim como a folha que se imprimiu, sem a intenção de ser posteridade.